Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2016

Ferros - da minissérie a vida real

Imagem
A pequena cidade de Ferros, situada a menos de 200 quilômetros de Belo Horizonte (MG), ficou eternizada na minissérie Hilda Furacão exibida pela Rede Gobo de televisão em 1998, realizada com base na obra homônima do escritor Roberto Drummond.

Um dos aspectos ressaltados na história, foi a grande influência do pároco católico sobre a vida social dos habitantes da pacata Santana dos Ferros (Drummond usa no livro o nome antigo da cidade). No romance, o padre (interpretado pelo grande Paulo Autran) mandava e desmandava, sempre em nome da fé e dos bons costumes.

Essa realidade de grande poder católico e perseguição aos infiéis, foi sentida pelos membros da Assembleia de Deus. Um alvoroço tão grande, que chamou à atenção da imprensa na época. O jornal Diário Carioca (RJ) narrou aos seu leitores na edição do dia 26 de junho de 1962 a grande confusão liderada pelo padre, o qual liderando uma multidão "invadiu e destruiu" o templo da AD.


O caso é narrado com riquezas de detalhes no livr…

Nels Lawrence Olson - as glórias de um apóstolo

Imagem
No editorial As glórias de um apóstolo no Mensageiro da Paz de março de 1989, é descrita "a importância" de Nels Lawrence Olson e de "sua participação pioneira em vários projetos que contribuíram para expansão da obra pentecostal em nosso país".
Realmente, a presença do missionário norte-americano no Brasil foi decisiva para a evangelização do interior de Minas Gerais, o desenvolvimento da CPAD, a utilização do rádio como meio de evangelização e, principalmente, a organização de institutos bíblicos (a famigerada fábrica de pastores) com o objetivo de formar obreiros e novos líderes na denominação.

O editorial lembra as "tradicionais escolas bíblicas" em Lavras (MG), quando ainda havia a proibição do funcionamento dos institutos bíblicos dentro das ADs. Com duração média de 30 dias, Olson ministrava ensinos sistemáticos para prover os obreiros de conhecimentos teológicos "para um ministério mais proveitoso".
Já instalado na cidade do Rio de Janeiro,…

Nels Lawrence Olson - o missionário das mídias eletrônicas

Imagem
Nels Lawrence Olson é um nome conhecidíssimo dentro das ADs no Brasil. Sobre ele está escrito no site da CPAD: "Missionário norte-americano nas Assembleias de Deus, pioneiro e pastor de igrejas Assembleias de Deus em Minas Gerais, pioneiro do radioevangelismo e do ensino teológico nas Assembleias de Deus, tradutor, editor, escritor, articulista, ensinador e comentarista de Lições Bíblicas da Escola Dominical".
Nas publicações da CPAD há um vasto material sobre esse estadunidense que desempenhou um importante trabalho dentro das ADs. Hoje, obviamente, à memória do irmão Lourenço é celebrada. Mas quando iniciou o programa de rádio no interior de Minas Gerais em 1947, e posteriormente abriu o Instituto Bíblico Pentecostal (IBP) no Rio de Janeiro em 1960, Olson causou desconforto entre as lideranças da época.
Apesar da utilização do rádio ser liberada para evangelização na Convenção Geral em 1937, o uso do mesmo ainda era um tabu dentro das ADs. Lideranças de expressão nacional (c…

Aniversário de pastor - críticas de João de Oliveira

Imagem
Há eventos dentro das Assembleias de Deus, que de tanto tempo instituídos parecem até ser "naturais". Gedeon Alencar, em seu livro Matriz Pentecostal Brasileira, destaca que o período de 1946 à 1988, consolidou-se dentro das ADs as tradições. Tradições essas criadas ou (citando o historiador Éric Hobsbawn) "inventadas".
Porém, naquelas décadas de crescente institucionalização assembleiana, havia espaço para contestações nos periódicos da CPAD. Alguns pioneiros sempre se manifestavam sobre determinados temas através do Mensageiro da Paz ou da revista A Seara. Bons debates foram travados na imprensa denominacional, onde os diversos pontos de vista eram explicitados. 
Um dos questionamentos que veio a público, foi algo muito popular hoje em dia nas igrejas: as comemorações de aniversário dos pastores. E ironicamente, a objeção veio nas páginas da Seara, que tinha por hábito divulgar esse tipo de celebração.

O artigo Deve a igreja promover aniversário de pastor? - escrito…

Sem saber ler crente abre uma AD no Paraná

Imagem
A cidade de Centenário do Sul, localizada ao norte do Paraná começou a ser formada na década de 1940. Em busca de riquezas e melhorias de vida, os primeiros colonizadores se estabeleceram na região. "A terra fértil atraiu grande número de homens de negócios, fazendeiros e agricultores que iniciaram o progresso e desenvolvimento" - narra o histórico do município.
No ano de 1946 foi construída a primeira capela católica. Em seguida surgiu uma pensão e uma padaria foi aberta. Logo, a cultura cafeeira dominou as paisagens rurais e a abertura de uma serraria trouxe grande desenvolvimento a região. 
Em 1948 é inaugurada a primeira escola. No ano seguinte, um campo de pouso para aviões de pequeno porte já era utilizado. No início dos anos de 1950, a energia elétrica chegou na localidade. A emancipação veio na sequência e a posse do primeiro prefeito ocorreu em dezembro de 1952.
Mas quando Centenário do Sul "estava ainda no seu embrião", um crente vindo de Minas Gerais de nom…